quarta-feira, 19 de junho de 2013

CEFOR analisa Plano Plurianual em Audiência Pública

Pontos principais do PPA foram apresentados aos vereadores  
 Foto: Cristiane Moreira/CMPA


Guilherme Socias Villela (PP) participou, na manhã desta terça-feira (18), da audiência pública que analisou o Plano Plurianual (PPA 2014-2017) na Comissão de Economia, Finanças, Orçamento e Mercosul (CEFOR). Estiveram presentes o secretário Municipal da Fazenda (SMF), Roberto Bertoncini; a secretária Municipal Adjunta de Planejamento Estratégico e Orçamento (SMPEO), Ilza Berlato; o coordenador do Escritório-Geral de Planejamento Estratégico (EGPE), Júlio Abrantes; e a coordenadora do Escritório-Geral de Programação Orçamentária (EGPO), Fabiana Feroleto, além dos vereadores, também membros da CEFOR Valter Nagelstein (PMDB) – presidente -, João Carlos Nedel (PP), Airto Ferronato (PSB) e Idenir Cecchim (PMDB).

Ilza Berlato mostrou as prioridades e objetivos do Governo que se dividiram em três principais itens: a Copa de 2014, o orçamento participativo e a diminuição de gastos. Segundo Ilza, a principal preocupação será qualificar e dar continuidade a eficiência dos serviços prestados à comunidade e um dos exemplos são as mudanças que a cidade já recebe para a Copa do Mundo. “Já podemos ver obras de mobilidade e melhor qualidade de vida que vieram para suprir a Copa, mas que eram necessárias em Porto Alegre e que ficarão como legado”, analisou.

O modelo de Gestão, que traz três eixos (ambiência, gestão e social) e 12 programas estratégicos, foi apresentado por Júlio Abrantes. Dentre os programas, que abrangem temas como mobilidade, saneamento, saúde e administração, estão dois novos, o Porto Viver e o Você Servidor que pertencem aos eixos social e de gestão, respectivamente. Complementando os dados apresentados, o secretário Bertoncini avaliou que Porto Alegre tem feito um grande esforço para aumentar suas receitas próprias e citou ações que vão permitir a sustentação financeira da cidade no quadriênio. Projetos como o Sistema Integrado de Administração Tributária (Siat) – que segundo o secretário, desde sua implantação permitiu um grande salto na gestão dos tributos –, a implantação da nota fiscal eletrônica, que vai permitir um controle fiscal, e a nomeação de servidores, foram citados como eficazes. Bertoncini também mencionou a atualização na base de dados do cadastro do IPTU, que será um grande salto na obtenção de receitas, e lembrou que o último levantamento aerofotogramétrico foi feito em 1982 pelo ex-prefeito e atual vereador Guilherme Socias Villela, documento que agora será digitalizado com o objetivo de qualificar o atendimento.

Encerrando a Audiência, Fabiana Feroleto apresentou valores para os quatro anos do PPA. Segundo a coordenadora-geral, para 2014 a receita será de aproximadamente R$ 6 bilhões, destinados aos eixos ambiência, social e gestão – do modelo de gestão – e também à Câmara Municipal e ao município (reservas). Ao final da apresentação, o coordenador do EGPE destacou: “Aproximar a estratégia, da programação orçamentária, garante a tranquilidade na aplicação dos 12 programas propostos no modelo de Gestão”. Na avaliação de João Carlos Nedel, a previsão do PPA, no que diz respeito à segurança, ainda está pequena e também falta verba para manutenção, por isso, o vereador solicitou que esses itens fossem revistos. Em seguida, o presidente da CEFOR, Valter Nagelstein, complementou: “Não estamos pedindo um favor ao Executivo. Temos o dever de cobrar que a cota institucional destinada ao Legislativo seja cumprida”. 

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Dia de Santo Antônio é marcado por homenagens ao vereador

Nesta quinta-feira (13), o Lar Santo Antônio dos Excepcionais prestou uma homenagem ao vereador Guilherme Socias Villela pela dedicação e amizade destinadas ao local. O vereador é patrono do lar, que atende atualmente cerca de 60 abrigados, entre crianças, adolescentes e adultos com necessidades especiais.

Villela recebe das mãos da presidente da instituição, Bety, a placa de homenagem
Foto: Mariana Blessmann

A homenagem fez parte do almoço de comemoração ao dia do Padroeiro e aos 34 anos do lar. Prestando as homenagens à Villela, a atual presidente do lar, Maria Bernadete Cordoni Magalhães (Bety) e o diretor administrativo, Edison Pontes Magalhães, ressaltaram sua importância para o local e, em demonstração, entregaram uma placa e se dirigiram à entrada do Lar para o descerramento de uma foto do vereador, agradecendo sua participação no funcionamento da obra. Na ocasião, Villela agradeceu as homenagens e mencionou o reconhecimento que a Câmara de Vereadores irá oferecer ao Lar Santo Antônio. “Eu protocolei, com o apoio de Márcio Bins Ely e Kevin Krieger, o Troféu da Câmara Municipal de Porto Alegre, que é a mais importante premiação outorgada pela Casa, e que será entregue em prestígio ao excelente trabalho do vocês.”, exaltou Guilherme Socias Villela.  A premiação da Câmara é conferida a pessoas jurídicas que tenham se destacado publicamente e contribuído para o desenvolvimento social e humano da cidade de Porto Alegre e, segundo Villela, por esses motivos o Lar Santo Antônio é merecedor do Troféu. 

Após todas as homenagens e cerimônias religiosas, que tiveram as presenças do arcebispo Metropolitano, Dom Dadeus Grins; do rabino Guersohn; do padre Fábio Christi e de Carolina Reinz, do grupo espírita Leon Dennis; Bety finalizou o evento lembrando de uma frase do vereador na época em que abraçou o Lar: “Aqui é um pedaço do céu”.

Conheça o Lar Santo Antônio
Fundado em 10 de fevereiro de 1979 por um grupo de voluntários, o Lar Santo Antônio teve sua primeira sede localizada na rua Sebastião Leão. Na época o local abrigava 18 pessoas portadoras de lesão cerebral grave ou severa. No entanto, devido a dificuldades encontradas como a falta de recursos para manter o lar, depois de algum tempo foi necessário entregar a casa e dividir os abrigados entre voluntários e diretores do Lar Santo Antônio. Nesse momento, Guilherme Socias Villela teve papel fundamental quando, em seu mandato, conseguiu disponibilizar um novo prédio, cedido em regime de comodato, e que foi inaugurado em 11 de julho de 1981. Outra participação importante de Villela naquele ano foi a indicação de Élida Messias Ferreira para presidente do Lar, cuja participação nas novas instalações foi decisiva. Élida foi quem convidou Maria Bernadete Cordoni Magalhães, na época voluntária, para integrar os postos de Conselheira Consultiva e Vice-presidente. Atualmente, Bety é presidente da instituição.

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Guilherme Socias Villela fala sobre a Copa de 2014

Programa discutiu sobre a Copa de 2014
Foto: Mariana Blessmann

Os ex-prefeitos Guilherme Socias Villela, José Fogaça e Alceu Collares participaram, na noite desta quarta-feira (12), do programa Conversas Cruzadas, na TVCOM. No dia em que faltava exatamente um ano para o Mundial, o assunto das entrevistas foi Porto Alegre e a Copa de 2014. 

Apresentado por Lazier Martins, o programa levantou, nos quatro blocos, pontos como as obras, o transporte, a saúde e os estádios. Para Villela, a mobilidade urbana e o legado devem ser as principais preocupações para a Copa. " A Copa trará um desequilíbrio benéfico e induzido para a Capital. Além disso, o legado será extremamente importante, principalmente para nossa imagem no exterior”, destacou, no primeiro bloco do programa. Os BRT’s (Bus Rapid Transit) e a necessidade de um metrô na Capital também ganharam destaque na voz do vereador que finalizou a entrevista dizendo: Dei ênfase aqui no programa ao legado da Copa. Tenho a esperança e a convicção de que o Brasil, e também Porto Alegre, terá muito mais do que uma orquestra sinfônica, como diria Érico Veríssimo".

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Câmara de Porto Alegre recebe Plano Plurianual

Momento de entrega do PPA ao presidente da Câmara, Thiago Duarte (PDT). 
Foto: Ederson Nunes

O Plano Plurianual (PPA 2014-2017) foi entregue em mãos pelo prefeito José Fortunati ao presidente da Câmara Municipal, Thiago Duarte (PDT), na tarde da última quarta-feira (05). O ato foi realizado na Câmara na presença dos vereadores e da imprensa.

Em seu discurso, Fortunati ressaltou pontos importantes do Plano como a busca de parcerias com os Governos Federal e Estadual, em busca de recursos para a Capital; o aperfeiçoamento de mecanismos internos de gestão; a transparência orçamentária – na qual Porto Alegre encontra-se em 2º lugar, segundo o Instituto de Estudos Socioeconômicos (Inesc) -; parcerias com outros municípios brasileiros e alguns programas estratégicos. Destacou também a construção diferenciada do PPA, a partir da reforma administrativa aprovada pela Câmara em 2012, que já tem o reconhecimento de entidades nacionais como o Movimento Brasil Competitivo.

Presente no ato da entrega o vereador Guilherme Socias Villela (PP) confirmou a importância, ressaltada pelo prefeito, de que uma cidade precisa de orçamento aliado ao planejamento estratégico. O chefe do Executivo destacou: “Aprendemos que é impossível trabalhar separadamente o planejamento estratégico da execução orçamentária porque quando descasadas criam dificuldades lá na frente”. Fortunati fez também uma rápida análise da atual situação econômica e financeira da Capital, lembrando que a taxa de desemprego é a menor do Brasil.

Após a entrega do PPA, o prazo que a Câmara Municipal tem para apresentar a redação final do projeto, votado pelos vereadores, é dia 15 de agosto. Em seguida, a matéria segue para a Comissão de Finanças, Orçamento e do Mercosul (CEFOR) e de lá vai para o Plenário, onde será submetida a quatro sessões de Discussão de Pauta, retornando à CEFOR para ser relatada. Durante o período de pauta, emendas populares, subscritas por pelo menos três entidades legalmente constituídas, e dos vereadores, poderão ser apresentadas.

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente

Demonstrando interesse e preocupação no assunto, o vereador Guilherme Socias Villela comemora mais um Dia Mundial do Meio Ambiente junto à Porto Alegre. Durante seus anos de carreira política, importantes ações como a criação da primeira Secretaria Municipal do Meio Ambiente – pioneira no Brasil -; da Lei do Impacto Ambiental, que dispõe sobre a prevenção e o controle da poluição do meio ambiente em Porto Alegre; a criação de parques e praças, e o plantio de mais de um milhão de árvores, durante seu mandato como prefeito da Capital, mostram a dedicação do atual vereador no assunto. 


Um dos principais parques criados por Villela é o Marinha do Brasil que abriga, na 29ª Semana do Meio Ambiente de Porto Alegre, a exposição “Lixo do Dilúvio”. A mostra traz objetos removidos durante a ação de limpeza do Arroio Dilúvio, realizada no mês de maio pelo Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) e Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam), e estará aberta ao público neste domingo (09.06), das 10h às 17h. Além dessa, outras atividades como debates, oficinas e seminários também fazem parte da programação.